A história do hip hop

Já que falamos aqui da história do rap, nada mais justo e lógico do que falar da história do hip hop. Pois o nascimento do hip hop mostra-nos que estão interligadas. E como tem sido até aqui, antes de mais vamos tentar perceber o que é o hip hop.

A história do hip hop

Nascimento do Hip Hop

Hip Hop pode-se dizer que é uma cultura popular que surgiu nas comunidades afro-americanas dos subúrbios de Nova York (tal como o rap) na década de 1970.

E a música é a principal manisfestação artística do hip hop, que tem também uma grande componente de dança e encontra no grafite uma forte representação. Sendo que, dos EUA, esta nova cultura hip hop rapidamente se espalhou pelo mundo.

O Hip Hop não tem uma única fonte, mas sim diversas fontes de inspiração, como por exemplo: Keith ‘Cowboy’ Wiggins, DJ Lovebug Starski, Grandmaster Flash ou Afrika Bambaataa.

E com a sua origem nas perificias de Nova York, o hip hop americano acabou por se tornar na expressão mais famosa em termos musicais.

Para quem não saiba, existe o hip hop gospel, é um dos estilos que surgiram desta cultura de rua, com uma forte perpetuação entre os jovens evangélicos da periferia. As letras das músicas deste tipo de hip hop, do hip hop gospel falam sobre a realidade social, mas em vez de ter uma visão negativista e destruidora, tem sempre uma liçãi e uma mensagem de fé.

A história do hip hop e a sua origem

Como já foi dito, o Hip Hop enquanto cultura urbana apareceu na periferia de Nova York na década de 70, entre as comunidades caribenhas, afro-americanas e latino-americanas.

Isto porque, nesta altura, o contexto social existente era de violência e criminalidade nestes bairros, e a única forma de lazer possível para estes jovens era nas ruas. Onde eles encontraram na música, na poesia, na dança e na pintura uma forma de se expressarem e de manifestarem a sua realidade e a sua contestação.

Segundo consta, quem terá sido o fundador do hip hop, terá sido Clive Campbell ou DJ Kool Herc. E o primeiro evento da historia do hip hop aconteceu no dia 11 de Agosto de 1973, na festa de anos da irmã do DJ, Cindy Campbell, no número 1520 da Sedgwick Avenue, no Bronx em Nova York.

Outro marco na historia do hip hop foi a 12 de Novembro de 1973, dia da fundação da ONG Zulu Nation que promovia a cultura, o hip hop, como forma de manter os jovens fora do mundo do crime e da violência.

Aos poucos e poucos, a poesia que existia neste tipo de música, que era representada pelo rap, foi ganhando espaço nas discotecas, que até então, só tocavam hits da era disco. E duplas de DJs e MCs ganhavam cada vez mais destaque e travavam mesmo competições entre si, as chamadas batalhas rap, que eram feitas só pela manifestação cultural e sem qualquer conotação de violência. Os grafites nos muros era a expressão no mundo da pintura desta nova cultura, e o break era a dança que saía das ruas para as festas em toda a cidade.

A história do hip hop

O que faz do Hip Hop o Hip Hop

A história do hip hop, de uma forma simples, diz-nos que o hip hop tem quatro elementos principais. Que são: o rap, o DJing, o breaking (praticado pelos b-boys e b-girls) e a arte do grafite.

Quando o hip hop apareceu, concentrava-se nos disc jokeys que, eram quem criavam as batidas rítmicas, eram pequenos trechos de musica com ênfase nas repetições, e posteriormente, acompanhada pelo rap, que foi identificado como um estilo musical de ritmo e poesia, juntamente com danças improvisadas, como por exemplo, o breakdance, o popping e o locking.

A relação entre o grafite e o hip hop aconteceu quando novas formas de pintura foram sendo realizadas em áreas onde havia a pratica do rap, do dj e da dança. E entre as diferentes manifestações artísticas existentes do movimento hip hop, a música insere-se como papel principal, com os DJs, os MCs e o Rap.

A história do hip hop no Brasil

A história do hip hop no Brasil, o que fez marcar a chegada do movimento hip hop foi o disco intitulado Cultura de Rua. No qual vários rappers participaram, tais como, Thaíde e DJ Hum, que até hoje são considerados os principais nomes do hip hop brasileiro.

Mas, contrariamente ao que aconteceu nos Estados Unidos, no Brasil a cultura hip hop chegou através do dança, mais propriamente, do breakdance.

E antes da saída do álbum, o hip hop tinha o seu espaço nas ruas de São Paulo, mais precisamente no metro São Bento, onde os artistas faziam a sua performance para quem passasse na rua e quisesse contribuir. E assim foi o nascimento do Hip Hop e a sua história.

Ver: A história do rap

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.